Sábado, 05 Abril 2031 00:00

Não pare até o fim!

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Fim dos Tempos  Há muitas evidências de que estamos vivendo o desfecho do que, pela Bíblia, conhecemos por "últimos dias" os quais passaram a ser contados há pouco mais de dois mil anos. Os sinais estão por todos os lados e é cada vez mais assustador a precisão de suas ocorrências segundo a agenda profética. Como cristãos devemos sim estar inteirados com o assunto, buscar o conhecimento para não perecermos e também para não desprezarmos todos os cuidados que Deus demonstra para conosco ao ter nos deixado em Sua palavra tantas recomendações e exortações de como devemos nos portar até que todas estas coisas sejam cumpridas. No entanto, apesar de termos que vigiar quanto a tudo isso, não podemos esquecer de nosso chamado primordial, pois assim como o Senhor breve virá, e por hoje estarmos mais perto de nos encontrarmos com Ele do que quando iniciamos nossa caminhada de fé,  milhares de pessoas continuam sem o conhecimento da verdade, sabendo pouco ou praticamente nada do evangelho do Senhor. Há pessoas no seu bairro nestas condições, na sua rua ou ainda na casa ao lado!


  O que quero dizer é que Cristo vai realmente voltar e levará para si aqueles que de fato creram, então se eu creio, se eu estou aguardando este momento, devo descansar quanto ao tempo, dia ou momento em que isso ocorrerá, mas jamais deixar de falar do Seu amor. Devo aguardar indo e anunciando. Agora, procure não inverter as coisas, não tente levar Jesus até as pessoas com um discurso de fim dos tempos, tentando de alguma forma "enredá-la" pelo medo, não é nisto que se consiste a mensagem das boas novas. O evangelho deve ser apresentado como um espelho que não mente, de maneira que ao olhar para ele você vai conseguir ver quem você realmente é diante de Deus. O poder do evangelho faz com que, ao se deparar com a verdade, a pessoa perceba imediatamente que não é boa, não é digna, não é justa, tão pouco merecedora do amor de Deus e então se encontrará desesperada por um salvador. Sem esta revelação de quem o ser humano é, de qual é a realidade de sua natureza, ele jamais identificará qualquer necessidade de buscar o salvador e consequentemente não entenderá nada do que Jesus fez naquela cruz por ela. Vejo muitos tentando amenizar esta realidade para não afastar as pessoas de si mesmos, ao tempo em que as afastam cada vez mais de Cristo. Como disse o irmão Washer "Diminua o escândalo e você já não estará mais pregando o evangelho".

  Pois é, vivemos dias onde um outro evangelho tem se propagado, com mensagens focadas no próprio homem e milhares de mentiras de bênçãos terrenas, por isso não podemos e não devemos seguir o mesmo caminho. Os sinais estão ai, mas Jesus também. Ele está em tudo ao redor! Que sejamos a Sua mão batendo à porta dos corações, levando a elas as Boas Novas, sem misturas. Então, não pare de pregar o evangelho, não pare até o fim!

Ler 15184 vezes Última modificação em Sábado, 23 Novembro 2013 11:41

Itens relacionados (por tag)

  1. Quem somos
  2. Declaração de fé
  3. Onde estamos
  4. Luciano Silva
Primeiramente, Missões 20:20 não se refere a algum tipo de denominação religiosa, apenas faz referência ao capítulo 20 e versículo 20 do livro de Atos, o qual expressa claramente nossa missão como igreja do Senhor empenhada em obedecer a ordem de ir e testemunhar a todos do Evangelho de Jesus, publicamente e de casa em casa. Como parte da igreja do Senhor, nos reunimos na simplicidade, de casa em casa. Naturalmente a casa em si não diz respeito a um lugar padrão de reuniões e encontros, afinal não estamos limitados a um local, mas com toda a certeza o lar representa um lugar onde é possível desenvolver comunhão real, além de que não temos custo algum, logo não precisamos atribuir despesas sobre os irmãos. Resumindo, somos irmãos que amamos Jesus e o temos por única autoridade sobre todos, praticando nossa fé fora do arraial das tradições e religiosidades inventadas por homens.
- Cremos que Jesus, o Cristo, é o único capaz de nos fazer aceitos diante de Deus, uma vez que por nossa natureza seríamos, com justiça, completamente condenados. - Cremos que Jesus é o único detentor da autoridade sobre a igreja, autoridade esta que jamais foi delegada a qualquer outro. - Cremos que se alguém, ao olhar para si mesmo, não reconhece sua natureza depravada, jamais será capaz de entender o sacrifício de Jesus. - Cremos que sem o arrependimento sincero não há novo nascimento ainda que a pessoa tenha se submetido ao ato público do batismo. - Cremos que o batismo é a expressão externa de algo que já aconteceu interiormente. - Cremos no partir do pão, em memória do Senhor, não como um ritual que santifica elementos, mas como a expressão profética por meio da vida compartilhada, da comunhão real e da fé comum entre irmãos. - Cremos na inutilidade das discordâncias com base nas diversas interpretações teológicas que servem apenas para nos afastar da unidade. - Cremos que somos estrangeiros neste mundo, logo não nos deixamos envolver por ele além do que for extremamente necessário. - No mais, cremos que se estivermos nEle, mas Ele não estiver em nós, nada do que façamos terá algum valor para com o Seu reino.
Como parte da igreja do Senhor, nos reunimos em Balneário Piçarras - Santa Catarina. Pessoalmente temos comunhão com irmãos que residem em Itajaí, Balneário Camboriú, Camboriú e Joinville. Atualmente por todo o mundo há irmãos vivendo na simplicidade, fora de denominações e tradições de homens. Para encontrar irmãos em sua localidade acesse o link: Irmãos pelo Brasil
Eu sei, alguns devem ter achado estranho encontrar um link exclusivo com o meu nome. Bom, o que acontece é que me vejo quase que obrigado a esclarecer algumas coisas, e tenho boas razões para isso. Vamos lá... Você, visitante do site, vai perceber que uma boa parte de tudo o que encontrará por aqui será assinado por mim. Livros, artigos, músicas etc... Bom, eu sou o idealizador, programador e administrador deste site(isso tem custado boa parte dos meus dias, mas cada telefonema ou email que recebo de algum irmão de algum lugar faz valer muito a pena)no entanto, eu não sou algum tipo de líder, não sou um pastor aqui e tão pouco ocupo qualquer posição superior diante dos meus irmãos(até porque tal mentalidade não se cria entre nós, ou pelo menos não deveria), apenas o que faço alcança uma visibilitade maior, é só isso. Saiba que o que você lê aqui, que de alguma maneira edifica a sua vida, não seria possível sem a minha comunhão entre meus irmãos, aprendendo juntos com o Senhor, enfim... eu acabei me tornando apenas o publicador das lições aprendidas. Deus abençoe.

O conteúdo do site está sendo útil para você?